As Leis do Marketing Educacional para bater metas de matrículas

Se você já tentou colocar em prática estratégias de marketing, mas acabou fracassando é porque, provavelmente, está ignorando as Leis do Marketing Educacional. Na matéria de hoje, você pode conferir em primeira mão quais são essas leis e como seus resultados podem melhorar colocando-as em prática. 

As Leis do Marketing Educacional foram estabelecidas com base em estratégias testadas e validadas por instituições de ensino no digital ao longo do tempo e que são essenciais para conseguir resultados satisfatórios e significativos. 

Nesta matéria, você vai conhecer algumas das leis mais importantes do marketing educacional para matricular mais e poderá aplicar esses princípios na sua instituição de ensino. É só arrastar pra baixo e conferir tudo em primeira mão! 

A essência é inegociável

No caminho para descobrir quais conteúdos dão certo com o seu público e geram mais matrículas, você não deve abandonar a essência da sua instituição de ensino – missão, visão e valores. 

Mudar a essência equivale a praticamente começar um negócio do zero, afinal de contas você muda não somente como é dito, mas também o que é dito. 

A estratégia certa não é mudar o que você diz, mas como você diz, ou seja, a maneira como você comunica sua instituição no digital. 

Quem sabe os diferenciais da sua instituição são incríveis, mas você nunca soube como deixar isso claro no digital e, dessa forma, as pessoas não veem valor na sua entrega porque não a conhecem verdadeiramente. 

As pessoas só vão perceber sua instituição de ensino de forma diferente quando você também souber como comunicar de forma diferente. Isso é o que diz a Lei da Perspectiva. 

A crença de que marketing é só post bonito

Cerca de 95% do marketing corresponde a métodos, sistemas, finanças, dados e métricas – menos de 5% corresponde ao processo criativo em si.

A crença de que o marketing é um braço do time de vendas ou que são visualizações e curtidas é completamente errada.

O marketing é muito mais sobre entender profundamente o que um cliente precisa e tentar viabilizar uma solução para isso do que aplicar estratégias na “tentativa e erro”. 

As instituições de ensino que hoje são consolidadas e direcionam seus esforços para criar conteúdos que geram vendas, realmente entenderam que marketing é teste, validação e resultado. 

Durante o processo, não dá pra ignorar a importância da análise de dados, afinal de contas, são as métricas bem definidas e os dados que são coletados, filtrados e analisados que permitem uma melhor tomada de decisões e um direcionamento mais eficiente dos investimentos. 

Tenha um sinônimo atraente

As pessoas vivem fazendo associações entre marcas e sentimentos, e se tem uma coisa que o marketing educacional procura fazer é conectar a necessidade do candidato à solução que você pode ofertar. 

A Volvo, por exemplo, é associada à segurança, enquanto que a Ferrari é associada ao luxo. As pessoas que compram um veículo da Volvo investem nele porque acreditam na segurança que a marca proporciona. 

A Ferrari, por outro lado, é associada ao luxo, então a maioria das pessoas que adquirem uma Ferrari opta pelo status que vem com o carro.

As marcas mais famosas do mercado se associam aos sentimentos que as pessoas buscam encontrar e sabem como passar a percepção certa para fazê-las comprar, colocando em prática a Lei da Percepção com excelência. 

Ser estratégico é melhor do que ser o melhor

Muitos gestores de ensino lutam para que suas instituições de ensino sejam as melhores do mercado e tenham os cursos mais procurados, mas isso não é realmente necessário para atrair mais alunos.

A Lei do Foco determina que você deve ter mais de uma opção de vendas, afinal colocar todos os ovos em uma única cesta não é estratégico – mas também estipula que é necessário ter uma opção já testada e validada para direcionar seus investimentos e garantir resultados. 

Se você é dono de uma instituição de ensino superior que se destaca nos cursos de biomedicina e farmácia, o mais estratégico é direcionar a maior parte do investimento para divulgar esses cursos se eles forem os mais procurados e vendidos.

Desse modo, você poderá crescer através de outras frentes, mas garantirá que o foco permaneça no que traz mais resultados para o seu negócio educacional. 

Se você gostou desse conteúdo, imagine até conhecer nossa Central de Conteúdos Gratuitos, que tem mais de 20 e-books gratuitos sobre marketing, vendas e tecnologia com muitas dicas práticas pra você aplicar na sua instituição de ensino e matricular muito mais. 

Pra acessar todos os nossos materiais completos gratuitamente – incluindo o ebook exclusivo As Leis do Marketing Educacional para matricular mais, que será lançado na quinta-feira, dia 26 de outubro – é só apertar no botão abaixo e aproveitar: 

Em outubro de 2023, a INSPIRE+ Marketing Digital completou 5 anos como a maior e melhor agência de marketing educacional do Brasil, matriculando mais de 200 mil alunos para os maiores players da educação no Brasil, na Angola, nos EUA e no Canadá. 

Se você deseja potencializar o número de matrículas da sua instituição de ensino e começar 2024 na frente dos seus concorrentes, agende uma reunião gratuita com um dos nossos especialistas e transforme o seu negócio educacional em uma máquina de matrículas:

Publicações Recomendadas

Planejamento Estratégico na Gestão de Ensino 

Na matéria de hoje, vamos falar sobre a linha tênue que separa uma instituição educacional excelente de uma mediana: o planejamento estratégico. Clique e aproveite o conteúdo!

Combatendo a evasão escolar de forma estratégica

A evasão escolar é um dos principais problemas da educação brasileira – e um dos menos abordados pelo setor educacional. Na matéria de hoje, vamos te ensinar a mapear a evasão e combatê-la com ações estratégicas!

plugins premium WordPress

E-BOOK GRATUITO

AS LEIS DO MARKETING EDUCACIONAL PARA BATER METAS DE MATRÍCULAS

Abaixo, insira seus dados para liberar o acesso ao e-book:

Ao enviar o formulário, você concorda em fornecer seus dados para receber conteúdos e ofertas por e-mail ou outros meios.